Peeling químico

     O peeling químico é uma técnica usada para melhorar a aparência da pele. Aplica-se uma ou mais substâncias formuladas quimicamente com o objetivo de provocar a descamação de uma camada da pele e o nascimento de uma nova, com menos imperfeições, mais firme e rejuvenescida. Os efeitos dessa terapêutica dependem das substâncias químicas empregadas e de sua atuação em cada camada da pele.

     Os peelings químicos na face são capazes de melhorar a oleosidade, cravos, poros dilatados, manchas e cicatrizes de acne superficiais. Também pode-se utilizá-los para melhora das manchas no dorso das mãos e antebraços.

     O peeling é realizado no consultório, com duração de 20 a 30 minutos. Inicialmente a pele é limpa e desengordurada. Em seguida, aplica-se com algodão uma sequencia de substâncias químicas (ex. Jessner, ácido retinóico, ácido tricloroacético). A escolha da substância química e a sua concentração determinarão a profundidade do peeling. 

     Muitos peelings levam a descamação leve em torno de 4 dias.  A recuperação é rápida, e o paciente mantém suas atividades habituais.